Saiba como cuidar da saúde mental na quarentena!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Assine nossa Newsletter e receba conteúdos exclusivos Hele Fitness!

A pandemia de COVID-19, doença causada pelo novo coronavírus, trouxe grandes impactos para a rotina das pessoas. A necessidade de isolamento social faz com que estabelecimentos permaneçam fechados, afetando o trabalho, a educação e o lazer. Nesse cenário, é fundamental ter atenção à saúde mental na quarentena.

Exatamente por isso, preparamos um conteúdo incrível com as principais informações e dicas sobre o assunto. Continue a leitura e saiba mais!

Impactos da quarentena na saúde mental

As mudanças no dia a dia e a redução do contato com outras pessoas, principalmente com todas as preocupações relacionadas ao cenário mundial, podem causar ansiedade e colaborar com outros transtornos psicológicos. 

Assim, o isolamento pode prejudicar a saúde mental, exigindo a adoção de práticas que aumentem o bem-estar e qualidade de vida. Esse é um período de desafios, então vale a pena procurar alternativas que ajudem a lidar com a quarentena de forma saudável. 

Como manter a saúde mental na quarentena

Apesar dos impactos que o COVID-19 trouxe para a vida das pessoas, existem algumas medidas que podem ser adotadas a fim de preservar a saúde mental. Acompanhe a seguir!

Evite o excesso de informações

Estar bem informado é importante para entender as medidas que devem ser tomadas e os efeitos do coronavírus. No entanto, o excesso de informações pode aumentar a ansiedade, principalmente diante de notícias desagradáveis. 

Para lidar com isso, o ideal é tirar um tempo por dia para se atualizar, em vez de ficar acessando sites várias vezes. Além disso, conte sempre com canais confiáveis para se informar, a fim de evitar a disseminação de fake news. 

Aposte na tecnologia

Apesar de não ser possível manter o mesmo nível de contato físico com as pessoas conhecidas, a tecnologia pode ser usada para permitir uma proximidade maior. Existem diversos aplicativos que permitem a realização de chamadas com várias pessoas ou videoconferências, compartilhando câmeras para uma interação ao vivo. 

Mesmo que isso não sirva para substituir totalmente as interações sociais, sem dúvidas, essa prática permitirá que você se sinta mais próximo das pessoas que ama e amenizar os impactos da quarentena na saúde mental. 

Mantenha uma alimentação saudável

Para as pessoas que aumentaram o tempo em que ficam em casa, manter uma alimentação saudável pode ser uma dificuldade. A necessidade de elaborar todas as refeições ou a própria ansiedade podem fazer com que você se descuide, optando por alimentos pouco saudáveis.

Contudo, as refeições trazem impactos na disposição para as atividades diárias e, consequentemente, para a saúde mental. O excesso de açúcar refinado e gorduras saturadas estimulam processos inflamatórios nocivos e prejudicam as funções cerebrais. Portanto, fazer refeições balanceadas ajudará na saúde mental na quarentena. 

Pratique exercícios físicos

É certo que exercícios físicos trazem diversos benefícios para a saúde física, ajudando a desenvolver maior resistência, controlar o peso e reduzir o risco de desenvolver diversos tipos de doenças, mas essa prática também traz benefícios para a saúde mental. Conheça os principais benefícios:

  • aumento dos níveis de endorfina, que gera a sensação de bem-estar;
  • combate a insônia;
  • melhora na concentração;
  • redução da ansiedade e do estresse.

Mesmo que esteja impossibilitado de frequentar academias, é possível adquirir equipamentos para adotar essas práticas em casa. Dessa forma, você consegue cuidar da sua saúde mental na quarentena, e ainda outros benefícios para o seu corpo.Gostou do conteúdo? Então aproveite a oportunidade para montar um home box em casa e pratique atividades físicas. Entre em contato com a Hele Fitness e conheça nossos produtos!

Assine nossa Newsletter e receba conteúdos exclusivos Hele Fitness!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email